Pinterest MQ

⬇(Clique | Escolha o livro = Você será redirecionado para a publicação no MQ)

Se não encontrar o autor, acesse o site da AMAZON por qualquer link de redirecionamento no blog.

Bem-vindos ao MQ ✓ VENDA NACIONAL E INTERNACIONAL✓

As Vidas De Alcyone: A História Da Raça Ariana - Annie Besant e Leadbeater

 Acompanhar por mais de 70 mil anos a trajetória evolutiva de um espírito e de sua família espiritual é feito inédito na literatura de resgate de vidas passadas. As 48 encarnações daquele que foi, no século XX, Krishnamurti são relatos autênticos que Leadbeater e Annie Besant, dois famosos clarividentes, leram nos indestrutíveis registros akáshicos (as memórias da natureza). Aventuras perigosas, histórias românticas, gestos heróicos e resgates pungentes, transcorridos em cinco continentes, conduzem Alcyone à sua trajetória de crescimento interior. Reencarnando entre atlantes, civilizações perdidas da América, sacerdotes da Luz e canibais selvagens remanescentes da magia lemuriana e das primeiras raças planetárias, sábios, letrados e soldados, em corpos masculinos e femininos, ele faz desfilar diante de nós o panorama de dezenas de civilizações ancestrais.

Alcyone participa de cultos e crenças dos mais variados povos, vê surgir religiões, renasce primo de Zoroastro e o auxilia em sua doutrina, torna-se seguidor do Buda e o acompanha, antes de tornar-se discípulo aceito de seu mestre, no século XX. A seu lado, quase sempre estão grandes seres que viriam a ser mestres de sabedoria.
Mas o atrativo maior desta obra é constituir-se no único registro conhecido e detalhado da formação da raça ariana – a quinta raça planetária.

COMPRE O LIVRO FÍSICO CLICANDO NA IMAGEM QUERO 

Seus pedidos são entregues pela AMAZON.COM.BR

(A administradora deste blog é participante do Programa de Associados AMAZON)

Dr. Joe Dispenza

"Continuar a revisitar pensamentos e sentimentos familiares é continuar a criar a mesma realidade. Para criarmos algo diferente daquilo a que nos acostumámos no nosso mundo pessoal, teremos de mudar o modo rotineiro como pensamos e nos sentimos. De outra forma, ao pensarmos e sentirmo-nos repetidamente como no dia anterior, e no dia antes desse, continuaremos a criar as mesmas circunstâncias na nossa vida, que nos farão sentir as mesmas emoções e nos levarão a pensar «de acordo» com essas emoções."